sábado, 29 de setembro de 2018

Putin teve de morder a língua e corrigir-se

24/9/2018, John Helmer, Dances with bears, Moscou

Nota do blog: O presente artigo não reflete a opinião do Blog. Achamos importante publicá-lo para informar outras opiniões de parcela da opinião pública na Russia. O Blog acha imprudente e prematuro afirmar que Putin tenha perdido a confiança de seus militares, entre outras afirmações contidas no artigo. É fato que o episódio foi bastante traumático dentro da Russia e muitas opiniões foram expressas de forma intempestiva. 


Traduzido pelo Coletivo Vila Vudu




Semana passada o presidente Vladimir Putin disparou a mais grave crise de sua presidência, quando o Ministério da Defesa e o alto comando do Estado-maior (Stavka) declararam que a explicação de Putin para a derrubada do Ilyushin-20, avião de reconhecimento eletrônico por jatos de combate de Israel, é falsa e, pior – é capitular diante de Israel.


Fontes em Moscou relatam que perda igualmente flagrante de confiança dos militares no comandante-em-chefe jamais tinha sido vista em público desde que o presidente Boris Yeltsin cancelou ordens para que a Rússia garantisse ajuda militar aos sérvios então sob bombardeio pela OTAN, entre março e junho de 1999, e demitiu o primeiro-ministro Yevgeny Primakov por exigência dos EUA.

“[Putin] errou com Erdogan, com Netanyahu,” comentou uma fonte em Moscou. “Ao fazer todas as concessões que fez, uma depois da outra, Putin foi atentamente observado. Seus conselheiros civis – [Yury, Conselheiro de Política Exterior] Ushakov em particular – estão errando. Esperam[esperavam] que o show de força na Síria mudaria as atitudes de EUA e Europa, e que ouviriam. Não aconteceu. Então, os militares russos fizeram Putin relembrar: “Nós avisamos”.

Na 2ª-feira, depois de briefing de domingo absolutamente sem precedentes no Ministério da Defesa, o ministro Sergei Shoigu anunciou medidas que Putin repetidas vezes descartou ao longo de muitos anos. A nova política de guerra da Rússia põe fim às repetidas vezes que Putin garantiu aos EUA, às potências europeias na OTAN e a Israel, que continuaria a resistir contra as recomendações do Estado-maior militar. Na 2ª-feira de manhã acabou-se a resistência de Putin. Shoigu e a Stavka acabaram com ela.

As medidas de Shoigu foram anunciadas entre 11-12h da 2ª-feira, divulgadas em minutos pela mídia estatal. Shoigu declarou uma Zona Aérea de Exclusão de 400 km sobre a Síria para todo tipo de aeronave estrangeira, ou aproximações, por mar ou terra, em direção à Síria, a partir de Israel, Jordânia, Líbano, Turquia e Iraque. Também foram excluídas aeronaves da base norte-americana em Al-Tanf, na Síria; e a base britânica em Akrotiri, Chipre.

“Em duas semanas, as Forças Armadas Sírias receberão o sistema S-300 de defesa aérea avançada” – disse Shoigu. “O sistema é capaz de interceptar ameaças aéreas em até 250 km, e pode atingir simultaneamente vários alvos aéreos (…). Postos de comando das tropas sírias e unidades de defesa aérea serão equipados com sistemas de controle automático, que só foram fornecidos às Forças Armadas Russas. Assim se garantirão a gestão centralizada de todas as forças e instalações da defesa aérea, o monitoramento da situação no espaço aéreo, e rápida designação de alvo.”

A referência dupla que Shoigu fez – ao alcance do S-300 e ao comando-e-controle centralizado – significa que os radares S-400 já instalados para defesa da base aérea russa em Khmeimim e na base naval em Tartous ampliarão a defesa aérea síria para raio de mais de 400 km.


Imagem: Alcance para detecção e ataque das Defesas Aéreas Russas da Síria


A área vermelha é o alcance máximo de tiro dos S-400s instalados em Khmeimim; a área azul é a zona máxima de detecção pelos radares russos e outros sensores em solo em Khmeimim. A base de Tartous está no litoral, 60 km para o sul. Os dois alcances podem evidentemente ser ampliados por aeronaves de reconhecimento e combate que decolam de Khmeimim; pelo centro de operações em Tartous coordenando os deslocamentos da Marinha Russa; e por outras aeronaves russas que decolem do Irã [fonte].


“A Rússia usará suas capacidades de guerra eletrônica para impedir [ing. jam] a navegação por satélite, quaisquer sistemas de radar embarcado e as comunicações de aviões que ataquem alvos em território sírio no espaço aéreo sobre as águas do Mediterrâneo próximas à Síria” – Shoigu acrescentou na declaração de 2ª-feira.

E explicou o raciocínio da Stavka: “Estamos convencidos de que a implementação dessas medidas esfriará os ‘cabeças-quentes’ e impedirá ações impensadas que ameacem nosso pessoal. Se não, teremos de responder conforme cada situação.” A referência de Shoigu a “cabeças-quentes” e “ações impensadas” não visou apenas os militares de outros países, mas também os que influenciam o presidente Putin a favor de Israel, Turquia e os EUA.


Imagem: Dmitry Peskov, porta-voz do Kremlin e principal lobbyist, na equipe de Putin a favor da Turquia, tentou diluir o significado das recentes medidas. (Esq.) Erdogan com Peskov e entre eles o ministro de Relações Exteriores Sergei Lavrov, em Antalya, Nov.-2015. (Dir.): Erdogan com Peskov, e à direita dele, Lavrov e Yury Ushakov, Ankara, Abr.-2018.


Às 13:27, Peskov anunciou na mesma agência de notícias Tass: “As ações da Rússia com vistas a garantir a segurança de seus soldados são necessárias. Por essa razão, nesse caso, a Rússia orienta-se exclusivamente por esses interesses. Essas ações não são dirigidas contra terceiros países. Só visam a proteger nossas tropas.”


Em minutos, o Kremlin postou a gravação de uma conversa por telefone entre Putin e o presidente Bashar al-Assad da Síria. Foi o primeiro contato noticiado pelo Kremlin com o presidente sírio ao longo da semana, desde que Putin negociou um acordo em Sochi com o presidente Recep Tayyip Erdogan para a ocupação turca do governorado de Idlib; o texto do pacto foi vazado pela mídia turca. Para detalhes, leia aqui. [Para outra interpretação, do mesmo pacto, leia aqui (NTs).] 

Funcionários do governo sírio recusaram-se a comentar o acordo Putin-Erdogan. O ministro da Inteligência de Israel, Israel Katz disse que o presidente russo não respondera aos telefonemas de Assad (...) Assad tentou falar com ele, mas Putin não respondeu.” O Kremlin disse que a informação dos israelenses “nada tinha a ver com a realidade.”

No comunicado distribuído pelo Kremlin na 2ª-feira à tarde, Assad iniciou a conversação pelo telefone. Pela gravação oficial Putin “informou ao seu contraparte sírio sobre sua decisão de introduzir medidas adicionais para garantir a segurança do pessoal russo na Síria e para melhorar o sistema de defesa aérea da Síria, incluindo a entrega de um moderno sistema S-300 de mísseis.”

Assad pediu que Putin desse detalhes de o que significa o acordo com Erdogan sobre Idlib. A gravação do Kremlin diz: “Os dois presidentes declararam que estão prontos para ampliar os esforços conjuntos para alcançar paz de longo prazo na Síria e restaurar a soberania, a unidade e a integridade territorial do país, especificamente em vista do resultado da reunião trilateral dos chefes de estado, avalistas do processo de Astana, em Teerã, e da recente reunião de cúpula russo-turca em Sochi.”

O registro do telefonema de Assad para o Kremlin marca 13h30. Cinco hora depois, às 18h15, o Kremlin relatou telefonema entre Putin e o primeiro-ministro de Israel Benjamin Netanyahu.

Foi a segunda conversa entre os dois nos registros públicos do Kremlin depois da destruição do avião Il-20 russo, na noite de 17 de setembro. A primeira conversa aconteceu no dia seguinte ao ataque. Netanyahu apresentou “condolências” e “prometeu fornecer informações detalhadas das atividades da Força Aérea de Israel sobre território sírio aquele dia, a serem entregues em alguns dias a Moscou, pelo comando da Força Aérea de Israel.” Na gravação, Putin diz: “Acordos russos-israelenses sobre prevenção de incidentes perigosos não foram tampouco observados, e disso resultou que o avião russo caiu sob fogo da defesa aérea síria. O presidente russo insistiu com o lado israelense para que no futuro se evitem acidentes desse tipo.”

Ao falar com o primeiro-ministro de Israel, Putin ignorou a detalhada avaliação que a Stavka produzira naquela manhã, embora noutro momento, no mesmo dia, Putin tenha dito que o briefing fora “integralmente coordenado comigo”. O major-general Igor Konashenkov acusou os israelenses de tentar burlar as defesas aéreas sírias e de ter criado uma emboscada para o avião russo. Para detalhes do primeirobriefing de Konashenkov, leiam  aqui  e assistam à apresentação.

No domingo, 23/9, pela manhã Konashenkov fez um segundo comunicado. Jornalistas correspondentes militares russos dizem não lembrar de comunicado à imprensa num domingo pela manhã, no Ministério da Defesa, em toda a história. Perguntada se o horário levaria em conta que domingo é dia regular de trabalho em Israel, uma fonte em Moscou respondeu: “Acredito que Shoigu escolheu o domingo pensando em Putin, porque o Ministério da Defesa não queria que o Kremlin esvaziasse ou diluísse o conteúdo da mensagem. Estão dizendo ao Kremlin – ‘fizemos o que você mandou, mas eles estão matando soldados nossos. Quanto mais você deseja que desçamos?’ – Não. Não acho que [o comunicado] foi divulgado no domingo por causa de Israel.”

Aqui, o noticiário na rede nacional Rossiya-24 no domingo à noite (Versão com legendas em inglês, do Saker.)


Konashenkov anunciou: “dados objetivos dizem que as ações dos pilotos israelenses, que levaram à morte de 15 militares russos, apontam para falta de profissionalismo ou negligência criminosa. Por isso acreditamos que a tragédia do Il-20 russo seja culpa integralmente da Força Aérea de Israel e dos que tomam as decisões para essas ações.” Konashenkov também acusou o comando militar israelense de ter mentido ao comando operacional russo em Khmeimim ao identificar com antecedência suas áreas-alvo; de ter mentido sobre as manobras em torno do Il-20 quando iniciou o procedimento de pouso em Khmeimim; de ter mentido sobre o ataque a posições do avião em Latakia, quando o Il-20 foi atingido; e de ter mentido sobre a resposta dos israelenses depois que foram notificados de que o avião russo estava “em perigo” [ing. “in distress”].

Konashenkov revelou que o capitão da aeronave russa permaneceu em comunicação com o controle em solo durante quatro minutos, depois de seu avião ter sido atingido e antes de cair no mar. Konashenkov disse também que os agressores israelenses permaneceram sobrevoando o local da queda por 11 minutos, antes de retornarem à base.

Um dia depois do segundo relato, ontem pela manhã, o ministro da Defesa anunciou a nova política de guerra da Rússia no Oriente Médio. Em seguida veio um novo briefing, o terceiro de Konashenkov, com novas provas de rastreamento pelo radar, que mostram exatamente como os jatos F-16 de Israel emboscaram a aeronave russa de reconhecimento, ao atraírem os mísseis S-200 sírios para longe dos aviões israelenses, que eram os alvos iniciais dos sírios.


As imagens do radar russo, disse Konashenkov, “mostraram claramente a direção de voo dos mísseis S-200s disparados pelo sistema de defesa aérea da Síria, bem como as localizações precisas dos aviões russos e israelenses. É perfeitamente claro que o míssil tinha por alvo o jato de Israel”. 

E continuou: “Os dados de hoje não apenas sugerem, mas provam, que a responsabilidade pela trágica [derrubada] do avião Il-20 russo cabe integralmente à Força Aérea de Israel. [O que Israel] diz sobre seu suposto não envolvimento na tragédia, que custou a vida de 15 militares russos, é mentira.”

A conversa de Putin com Netanyahu no início da noite, aconteceu depois de Konashenkov; o comunicado do Kremlin foi postado às 18h15. “A Rússia trabalha com a premissa” – Putin reconheceu e promoveu o comunicado de Konashenkov – “de que as ações da Força Aérea de Israel foram a principal (sic) causa da tragédia.”

Putin na sequência reduziu o alcance da política de Shoigu, ao dizer aos israelenses: “As decisões da Rússia de reforçar as capacidades de combate das defesas aéreas sírias são apropriadas (sic) nessa conjuntura e visam primariamente (sic) a reduzir qualquer potencial ameaça à vida dos militares russos que cumprem missões de combate contra o terrorismo internacional.”*******

19 comentários:

Anônimo disse...

Eu acho......

Os militares são leais ao Presidente. Não houve quebra da hierarquia. Acho que os militares estão protegendo o seu Presidente de ter que fazer declarações vistas como beligerantes.
Tudo foi decidido pelo Presidente e as declarações dos militares foram previamente aprovadas pela presidência.

Dario Alok disse...

eu concordo com você... publicamos este artigo para mostrar todos os lados da questão, o que pensa parcela da opinião pública na Russia, mas sim, o buraco é muito mais embaixo...

Unknown disse...

Putin deve repensar sim porque se perdeu 15 soldados os quais foram assassinados sem chance de defesa ou de lutar pela propria vida e isso é gravissimo.
Israel é um pais cruel e ciníco isso é sabido historicamente e Putin sabe disso. Sou um fã de W.Putin mas mesmo os mais brilhantes erram.
Israel é uma serpente e como toda serpente deve ser segurada firme pela cabeça e nunca confiar...

ADNAN EL KADRI disse...

Assino embaixo do texto do gilmcosta. É também muito correta a postura do Dario Ashcar Alok de publicar este texto, mostrando os dois lados da questão, mas como ele mesmo disse o buraco é mais embaixo. O governo sionista de Israel é a serpente venenosa é preciso sangue frio para lidar com os criminosos que dirigem o estado terrorista.

Natercia Pedroso disse...

Concordo que se publiquem e divulguem opiniões divergentes, embora não esteja minimamente de acordo com este texto. Penso que Presidente Putin não mordeu a lingua de modo algum, embora deva haver muita gente em Moscovo que gostaria imenso que isso acontecesse. Putin pode cometer erros, isso é normal, é humano. Os militares como foi dito nos comentários estão a proteger o Presidente e além de que podem com mais facilidade dizer o que o Presidente não pode ou não deve dizer. A situação é extremamente complicada e perigosa, e provavelmente o Blog do Alok já deve saber que há algumas teorias que põem em causa a versão oficial de que terão sido os israelitas. E se tiverem sido os franceses ou os ingleses, países da Nato? E se tudo aquilo foi uma cilada extremamente bem montada para que a Rússia retaliasse e atacasse um país da Nato?
Natercia Pedroso

Dario Alok disse...

exato... de acordo, Natercia...

Fieldengineer disse...

cisco ise helps safeguard your business. It lets you control access throughout your network, see the user and device details, and stop/contain any threats.

lucifer1413 disse...

The 123.hp.com/setup is actually a website which is set up by HP technicians to help people set up their HP Printer by downloading the printer drivers and other software through this website. On this website you can find directions on how you can connect your HP Printer wirelessly, with help of USB cable and even things like how one can install a cartridge in the printer.

123.hp.com/setup

192.168.1.1 IP address is widely used as the address pointing to the network router for Internet Access that you have at home. It is one of a few most commonly used IP addresses that router makers assign to a router, 192.168.l.l is the most usual one though 10.0.0.1 or 192.168.0.1 are also among the well known ones. These are also called and defined as host addresses.
What configuration is available at 192.168.1.1

lucifer1413 disse...

Nice post! You are sharing amazing information through your blog. I am a big fan of your excellent writing skills. And for more information and technical Support services about
PayPal login
www.amazon.com/mytv
Cox login
DirecTV login
Xfinity login
youtube.com activate
Yahoo Mail Sign

Max Turner disse...

If you've already registered the product key, then download Office cpm setup from the Office login account. Otherwise, Visit Office.con/setup or Office.com/setup to install Office with product key. Visit
Office.con/setup or to install Office with product key.Office.com/setup to install Office with product
Install Norton setup from norton.con/setup or norton.com/setup and set up on your current device.

macfeesactivateis disse...


Go through the canon.com/ijsetup webpage, click Set Up and start the Canon ij printer setup process. If you have a Canon inkjet printer (wireless or wired), setting up the complete printer is easy. To download canon printer drivers and install them on your pc, visit canon.com/ijsetup and follow instructions.

PaypalLogin disse...

When I visit your blog page I found So much Useful information from here that help me a lot to gain my knowledge. Dear admin you are doing amazing work keep it up I get so much informative information from your article. Thank you so much for all the information and all the best for the next comment Paypal login provides online payment solutions to its users worldwide

Unknown disse...

Thanks for sharing that information, Geek Squad Tech Support is a globally recognized tech support provider, providing various support services for personal computer, gadgets, home repair and much more. We have successfully provided support services for nearly two million customers and the count has been increasing every other day.
Please follow this link to know more about PayPal Account Login.
PayPal Account Login is one of the best, user-friendly payment platforms. Moreover, it facilitates payments that take place via online transfers between different parties.

Max Turner disse...

If you are setting the printer for the first time follow the below instructions given and setup your new HP printer easily. Unbox the 123.hp.com/ojpro9025 printer by removing all the packing materials and recycle the materials.
solutions.brother.com/windows printers are the all-in-one solution for office use as well as for home use.

Max Turner disse...


https://ij.start.canon is the solution for easy Canon printer drivers download. http://ij.start.canon allows you to install and set up a Canon inkjet printer and ensure that you receive outstanding printing results.
canon.com/ijsetup | ij.start.canon | norton.com/setup

henrynikk07 disse...

Microsoft 365 product is a string of 25 digits alphanumeric code. Purchase a brand-new copy of microsoft365.com/setup | www.microsoft365/setup , or buy a product key card from a retailer and start a subscription from microsoft365.com/setup , If you’ve entered the McAfee activation key correctly at mcafe.com/activate and followed all instructions correctly, the key will be redeemed. Macfee.com/activate | Mcafee.com/activate , Create an account and enter skype login credentials to start or host a video call. skype logins Visit: betwinner login and login to your bet365 using your email id or username and password.

Allen disse...


To activate Trend micro, make sure you already have an activation code that you’ll probably enter on the www.trendmicro.com/activate

mikeroads disse...

Thanks for sharing the valuable information and i am glad to discover this page i really liked each part and also bookmarked you for new information on your site.
flixanity
technology write for us
tech write for us
[pii_email_632dbc9f9aa7f38a8155]
[pii_email_57bde08c1ab8c5c265e8]
[pii_email_4dd09cddea0cd66b5592]
snapseed app download for pc
tamilrockers proxy

Priyankajain disse...

Very Blog, Thanks for sharing.

tamilrockers proxy